Arquivo | Uncategorized RSS feed for this section

Da promessa

9 jan

A gente já foi, já voltou e eu prometo escrever aqui todas as dicas para quem quer fazer essa viagem fantástica. Feliz ano novo.

Da trilha sonora

21 dez

Não sei vocês, mas eu só funciono com música. Por diversas vezes, eu vivo algumas situações e fico imaginando qual seria a trilha sonora perfeita para aquele momento. Meu carro é super-total-flex. Só funciona com álcool, gasolina e música. E tem que ser música boa, porque se tocar Michel Teló o motor trava.

Antes de comprar o meu primeiro carro, eu entrei nas Lojas Americanas e vi uma promoção imperdível de um rádio automotivo. Num impulso, cliquei e comprei. O rádio chegou e ficou um bom tempo jogado em cima do móvel, afinal, eu não tinha carro. Depois morreu uma prima do meu pai que curtia aplicar um dinheiro em ações e deixou uma bela de uma herança. Mas os primos eram muitos e o que sobrou para a nossa família deu pra comprar um Corsa usado, de 1998.

Aí eu mandei instalar o rádio, mas eu sequer sabia ligar o carro. Até eu aprender, de vez em quando eu descia na garagem e ficava lá dentro do Corsa, curtindo um som sozinha. Quando eu comprei o Celta, o carro já veio com as caixinhas e mandei instalar o som logo no primeiro dia. Porque eu não sou capaz de andar um quarteirão no silêncio.

**

Pensando nisso, eu e meu irmão passamos dias e dias selecionando a trilha sonora perfeita para mais de  72 horas de rodovia e outras tantas dentro das cidades. Pedi umas dicas para o Pedrinho Couto (valeu, querido!), pensei no que eu gosto, considerei o que meus pais gostam e o que Luquinhas gosta também (afinal, eu tenho o poder do botão do rádio, mas sei que conviver é uma arte que requer levar o outro em consideração) e o resultado foi mais de 24 Gb de música.

Abaixo tem um aperitivo do que a gente vai escutar na estrada.

Da inspiração

20 dez

Em um dos meus filmes preferidos da vida toda, os Griswold cortam os Estados Unidos para chegarem a Walley World, um parque de diversões em Los Angeles. Eu espero que a minha viagem seja tão divertida quanto, mas que dê mais certo do que a do Chevy Chase.